Esportes

‘Eu tenho me cobrado bastante, estou muito abaixo’, diz Sassá quanto ao próprio momento

Após mais um zero a zero, desta vez contra o rebaixado Avaí, nessa segunda-feira (18), o Cruzeiro chega ao terceiro empate seguido sem balançar as redes – as partidas contra Athletico-PR e Atlético também terminaram sem gols. A falta de produtividade tem sido um dos problemas do ataque celeste, que marcou pela última vez contra o Bahia, no dia 3 de novembro.

O atacante Sassá comentou a situação vivida pelo setor ofensivo e, também, por ele mesmo. “É complicado, a gente está lá dentro tentando, batalhando, a bola passando e bate na trave, bate no defensor e não entra. Eu tenho me cobrado bastante, porque estou muito abaixo, mas não tem receita, a gente tem que continuar trabalhando, estar focado lá para, quando a bola chegar, a gente colocar para dentro”, disse.

O jogador contou que o alto número de cruzamentos na última partida não foi uma exigência do técnico Abel Braga. “A gente treinou a semana toda normal. Treinamos finalização, treinamos cruzamento, pênalti, falta, as coisas que acontecem no jogo”.

A cinco jogos do fim do Campeonato Brasileiro, Sassá comentou sobre o tempo que o time ainda tem para sair dessa situação e garantir a permanência na Série A. “A gente tem esperança nesses cinco jogos de que as coisas vão mudar”.

O próximo desafio será contra o Santos, no sábado (23), no estádio Vila Belmiro. O Cruzeiro está na 17ª colocação, a um ponto do primeiro integrante na zona de rebaixamento, o Fluminense.

FONTE: ITATIAIA  www.itatiaia.com.br

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close