Esportes

Otimista após 1º gol, Maurício crê em vaga: ‘Cruzeiro é forte na Copa do Brasil’

O meio-campista Maurício teve pouco tempo para festejar o gol marcado na vitória por 1 a 0 sobre o Vasco, domingo, no Mineirão, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. Aos 18 anos, o talentoso meia balançou as redes pela primeira vez com a equipe profissional, mas já mudou seu foco para o decisivo duelo com o Internacional, nesta quarta-feira, às 21h30, no Beira-Rio, pelo jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil. Em Porto Alegre, o time celeste vai precisar reverter a desvantagem de 1 a 0 sofrida na partida de ida, em Belo Horizonte.

“É um jogo extremamente difícil, muito importante também. Eles têm uma vantagem, mas nós vamos em busca da classificação. Vamos tentar trazer essa classificação para o nosso torcedor e tentar buscar esta terceira final. O Inter é uma equipe muito qualificada, experiente. Eles são muito fortes dentro de casa. Mas vamos fazer o que o professor (técnico Rogério Ceni) pedir”, disse o novato, que confia na tradição da equipe na competição, em entrevista coletiva nesta segunda-feira.

“O Cruzeiro é forte na Copa do Brasil. Não podemos nos precipitar”, afirmou o atleta, referindo-se às oito finais disputadas pela equipe na história do torneio. São seis títulos (1993, 1996, 2000, 2003, 2017, 2018) e a equipe tenta o tricampeonato consecutivo inédito.

O meia destacou que Rogério busca um equilíbrio entre os setores de defesa e de ataque, essencial para o confronto com o Inter. “Temos trabalhado bastante esse equilíbrio, tentando achar o ponto certo para atacar e o ponto certo para defender. Isso tem nos ajudado bastante. Vamos ter que construir o tempo todo. Temos que manter a posse de bola e a calma, por ser um jogo fora de casa. Eles estão com a vantagem. Sabemos das nossas qualidades, temos um grupo muito bom e vamos em busca dessa classificação”, completou.

Maurício confessa que o gol marcado sobre o Vasco não sai da sua cabeça e credita a ótima finalização aos constantes treinos, mas evita prever uma situação igual diante do Inter e prefere projetar apenas a classificação da equipe. “Lógico que eu gostaria de marcar novamente, mas o mais importante nesse jogo é o sucesso do time. Fiquei muito feliz pelo gol, foi uma emoção muito grande. O professor faz muitos trabalhos de finalização, é bastante ofensivo. A gente treina bastante essas finalizações, eu inclusive. Isso é importante. Chegando no jogo temos que finalizar e temos concluído em gols.”

Maurício, que começou sua carreira no São Paulo há oito anos, revelou que sua inspiração no Cruzeiro é Thiago Neves. “É meu espelho. Me ajuda muito, dá dicas, espero fazer história como ele aqui no clube.”

No duelo com o Inter, o Cruzeiro tem a obrigação de, pelo menos, ganhar a partida no Sul por uma diferença de um gol para que o duelo seja decidido nos pênaltis. Para se classificar de forma direta, precisará vencer por pelo menos dois gols de vantagem.

FONTE: Itatiaia www.itatiaia.com.br

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close