Esportes

Mano diz que crise política no Cruzeiro afeta equipe: ‘As coisas estão juntas e temos que resolver’

O técnico Mano Menezes está encontrando dificuldades para recolocar o Cruzeiro nos trilhos. Na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro e há nove jogos sem vencer, o time trouxe para dentro de campo o mau momento vivido pelo clube nos bastidores. Na visão do treinador, a crise política instaurada após a divulgação de denúncias contra a atual diretoria tem relação com a má fase da equipe.

“A gente do futebol também sabe que algumas coisas influenciam diretamente na parte de campo. O Cruzeiro vem passando por um momento muito difícil como clube, e mesmo com toda experiência, seja dos comandantes, no nosso caso em termos de comissão técnica, seja por parte dos jogadores, que temos aí uma grande quantidade de jogadores com experiência suficiente para tentar separar uma coisa da outra, você sabe que isso não é bem assim na prática”, afirmou Mano em entrevista ao podcast ‘Hoje Sim’, do narrador Cleber Machado, no GloboEsporte.com.

“Isso influencia no sentimento do torcedor. O sentimento e o humor do torcedor interferem no jogo, porque ele vai ao estádio ou ele não vai ao estádio. A ausência dele interfere, a presença dele com outro humor interfere no jogo, essas coisas têm certa ligação. E é sempre muito ruim você abrir todos os meios de comunicação a cada dia e ver que muito mais se fala negativamente do seu clube do que positivamente. Essas coisas também estão juntas e temos que resolver, como clube e como time”, completou.

A atual diretoria do Cruzeiro é alvo de uma investigação da Polícia Civil de Minas Gerais. De acordo com reportagem do ‘Fantástico’, da TV Globo, exibida no dia 26 de maio, a polícia instaurou inquérito para apurar denúncias de supostas irregularidades envolvendo a venda de direitos econômicos de jogadores da base e do time profissional a um empresário não ligado ao futebol, além de indícios de pagamentos suspeitos, falsificação de documento particular, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

De folga de o último dia 13, devido à pausa para a disputa da Copa América, o elenco do Cruzeiro volta aos treinos na próxima segunda-feira (24) para dar início à preparação para os confrontos decisivos do mês de julho contra Atlético (quartas de final da Copa do Brasil) e River Plate-ARG (oitavas de final da Copa Libertadores).

Mano falou sobre os próximos desafios da equipe e se enfrentar o arquirrival e o atual campeão da Libertadores ajuda ou atrapalha neste momento.

“Se ganhar (do Atlético), é um gás extremamente positivo. Se perder, você perde para o maior rival. E aí pode ter um peso ainda maior a derrota. O futebol não tem meias palavras. Ele é muito duro. Na medida em que você atinge o objetivo, passa, você ganha uma confiança, recupera essa confiança perdida, e pode significar, a partir daí, uma retomada na temporada. Esse jogo (contra o Atlético) é um jogo que tem força para isso. Sobre o River, não vamos nem, falar, né? O River é o atual campeão da Libertadores e um dos times que vem jogando o melhor futebol da América há bastante tempo”, ressaltou.

Apesar da má fase, Mano acredita que o Cruzeiro vai dar a volta por cima. “Eu vejo boas perspectivas para o Cruzeiro, sim. Tenho um grupo muito qualificado e trabalhador, correto, honesto no dia a dia de trabalho. Não tenho nenhum porém para reclamar desses jogadores, então, quando as coisas estão nesse caminho, é só a gente achar o ponto de equilíbrio para voltar a ser a equipe que sempre foi”, frisou.

Com o time na 18ª colocação do Brasileirão, o treinador evitou falar em disputa de título neste momento. “Nunca gostei de enganar, entre aspas, o torcedor. Falar agora de disputa de título, na situação que o Cruzeiro está em relação ao Palmeiras (17 pontos de distância), não cabe. Embora você não possa, com nove rodadas jogadas, desistir de um campeonato. Claro que não pode. Mas hoje não temos que falar nisso. Tem que, primeiro, resolver o problema de produção da equipe, mostrar dentro de campo que é um pretendente a alguma coisa melhor”, finalizou.

 

 

Fonte: Itatiaia www.itatiaia.com.br

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close