Esportes

América e Cruzeiro ficam no empate sem gols e deixam escapar liderança do Campeonato Mineiro

América e Cruzeiro entraram em campo na tarde deste domingo, no Independência, na briga pelo primeiro lugar do Campeonato Mineiro, mas a deixaram de bandeja para o rival Atlético ao empataram em 0 a 0. O clássico começou com 32 minutos de atraso devido às poças de água, causadas pela forte chuva em Belo Horizonte.

Quem vencesse assumiria a liderança. O resultado deixa o Coelho na segunda posição, com 15 pontos – um a menos que o Atlético –, e a Raposa em terceiro, com a mesma pontuação, mas atrás no critério de gols marcados (14 contra 13).

Os dois times voltam a campo no próximo domingo (24). O América visita o Boa Esporte às 17h, no estádio do Melão, em Varginha, enquanto o Cruzeiro pega a URT às 19h, no estádio Zama Maciel, em Patos de Minas.

Com o gramado pesado, as duas equipes fizeram um jogo sem grandes emoções. O primeiro tempo foi bastante disputado, porém com poucas finalizações. Apesar da melhor qualidade técnica, o Cruzeiro criou fez investidas, mas errou definição das jogadas. O América cresceu e encontrou mais facilidade para chegar ao ataque. No segundo tempo, o ritmo despencou, as alterações do técnico cruzeirense Mano Menezes – que fez o jogo 200 no comando da Raposa – não surtiram efeito e o duelo terminou sem gols.

O destaque da partida foi o atacante Neto Berola, nome alviverde na etapa inicial. Escalado na ponta direita, o atacante criou boas chances, mas pecou nas finalizações. Pelo Cruzeiro, o centroavante Sassá foi pedido pela torcida durante quase todo o segundo tempo. O atacante entrou na vaga do também centroavante Raniel, que e sequer finalizou uma bola.

América 0x0 Cruzeiro

América: Fernando Leal; Leandro Silva, Diego Jussani, Paulão e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho e Matheusinho (Carlos França); Marcelo Toscano, Neto Berola (Felipe Azevedo) e Júnior Viçosa (Jonatas Belusso). Técnico: Givanildo Oliveira

Cruzeiro: Fábio; Edilson, Léo, Dedé e Egídio; Henrique, Lucas Silva (Ariel Cabral), Robinho, Marquinhos Gabriel (Rafinha) e Rodriguinho; Raniel (Sassá). Técnico: Mano Menezes

Cartões amarelos: Diego Jussani, Zé Ricardo, Juninho, Júnior Viçosa e Jonatas Belusso (América) Dedé, Egídio, Ariel Cabral, Rafinha e Raniel

Motivo: 7ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: 17 de fevereiro de 2019, domingo, às 17h
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Ronei Cândido Alves
Auxiliares: Magno Arantes Lira e Marcyano da Silva Vicente

Público: 6.620 presentes
Renda: R$ 76.563

 

Fonte: Itatiaia www.itatiaia.com.br

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close