Saúde

Diabetes: ‘Meus rins já estavam sendo afetados e o médico me alertou que podia até matar’

“Eu tenho a diabetes faz dez anos e por eu não cuidar era descontrolada; eu tomava muito insulina, mas não fazia dieta, não preocupava com a alimentação, agora mudei minha alimentação radicalmente e, em poucos meses, a quantidade de insulina foi reduzida em 80%; minha glicose está controlada”, afirma com satisfação o motorista Anderson Antônio, de 52 anos, que luta contra a doença há uma década. O resultado positivou só chegou depois que ele se conscientizou.

É lembrado nesta quarta-feira o Dia Mundial do Diabetes que tem o objetivo de conscientizar a população sobre a prevenção da doença e alertar para suas consequências. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 422 milhões de adultos têm diabetes no mundo. O número de mortos passa de 1,6 milhão a cada ano.

De acordo com o nutrólogo do Instituto Mineiro de Nutrologia Juan Bernard, a mensagem mais importante é priorizar mais a prevenção do que o tratamento do Diabetes. “Claro que o tratamento é muito importante pra evitar as complicações da doença, mas sabemos que com intervenções adequadas a gente consegue evitar que mais pessoas desenvolvam a doença”, explica.

Com a doença, Anderson alerta que as consequências, sem controle, são graves. “Meus rins já estavam sendo afetados, além disso, o médico me alertou que a doença poderia causar cegueira, dificultar cicatrização, causar a amputação de algum membro e até me matar. por isso, resolvi mudar minha vida”, alerta.

Para prevenir a doença, o especialista Bernard destaca que hábitos alimentares mais adequados como a redução de açucares simples, aumento do consumo de fibras e optar pelo consumo de gorduras boas já ajudam a controlar a doença, já que o diabetes tem relação com o sobrepeso e a obesidade. Além dos hábitos de alimentação mais saudáveis pra controlar o peso, a prática de atividades físicas hoje em dia é essencial. Atividades de intensidade moderada com 150 minutos por semana, cerca de 30 minutos por dia, já são suficientes para levar benefício metabólico e cardiovascular para o paciente.

A doença

Diabetes é uma síndrome metabólica decorrente da falta de insulina ou da incapacidade de a insulina exercer adequadamente seus efeitos. Existem dois tipos da doença:

– tipo 1: é uma doença autoimune, quando pouca insulina é liberada para o corpo e a glicose fica no sangue, em vez de ser usada como energia.

– tipo 2: é quando o organismo não consegue usar adequadamente a insulina que produz, ou não produz insulina suficiente para controlar a taxa de açúcar no sangue. A obesidade é a principal causa desse tipo, além disso atinge cerca de 90% das pessoas com diabetes.

De acordo com o Ministério da Saúde, o Dia Mundial do Diabetes foi criado em 1991 pela Federação Internacional do Diabetes em conjunto com a OMS, em resposta às preocupações sobre os crescentes números de diagnóstico no mundo. O dia 14 de novembro foi escolhido por marcar o aniversário de Frederick Banting que, junto com Charles Best, concebeu a ideia que levou à descoberta da insulina em 1921.

 

Fonte: Itatiaia www.itatiaia.com.br

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close