Brasil

Fabricante ilegal de armas é preso em Nova Lima

Submetralhadoras eram vendidas por R$ 2.750. Armas eram numeradas aleatoriamente

Um homem foi preso na noite desta terça-feira, suspeito de fabricar armas de fogo em um sítio em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O armamento tinha número de série gravado pelo confeccionador clandestino e era vendido por R$ 2.750.
De acordo com a Polícia Militar, o fabricante já era conhecido por ser um dos maiores comerciantes de armas caseiras da Região Metropolitana de BH e havia sido preso em 2017 também pela montagem ilícita dos artefatos. Agentes do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) viram o homem, de 27 anos, saindo de um sítio em Nova Lima em um carro e informaram ao batalhão da Rotam, que o abordou no trajeto.

No imóvel identificado pelo suspeito, a PM localizou um cômodo no fundo do terreno onde eram fabricadas as armas. Foram apreendidas uma lixadeira, duas furadeiras e uma prensa, que não foi removida por ser muito grande e pesada, além de materiais usados na montagem das submetralhadoras. Carcaças de armas de paintball, usadas como molde, também foram confiscadas.
O fabricante contou que não sabe mensurar quantas armas já vendeu e que os números de série eram gravados de forma aleatória. Elas eram comercializadas por R$ 2.750 e divulgadas através de um vídeo na internet. O preso foi encaminhado para Central de Flagrante 3 (Ceflan).
 
* Estagiário sob supervisão do editor Benny Cohen
Fonte: Estado de Minas www.em.com.br

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close