Esportes

Atlético goleia Fluminense no Independência e assume a vice-liderança do Brasileiro

Em duelo bastante movimentado no Independência, o Atlético fez o dever de casa e goleou o Fluminense por 5 a 2, de virada, neste domingo, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Foi a segunda vitória seguida do Galo na competição e que levou o time à vice-liderança.

Emprestado pelo Palmeiras ao Atlético e pretendido pelo futebol árabe, Róger Guedes comandou mais uma vez a vitória atleticana com dois gols, o que o fez assumir a artilharia isolada da competição, com oito. Ambos foram bonitos. No último, marcado nos minutos finais e que fechou a goleada em Belo Horizonte, o atacante deixou o zagueiro adversário no chão com um drible seco dentro da área antes de finalizar. Ao fim do jogo, a torcida entoou o grito ‘Fica Róger Guedes’.

Gilberto abriu o placar para o Fluminense na etapa inicial, mas Leonardo Silva e Róger Guedes viraram para o Galo. Dois minutos depois, no fim do primeiro tempo, Pedro empatou novamente para os cariocas. Mas na etapa final, Tomás Andrade, Ricardo Oliveira e Róger Guedes de novo construíram a goleada alvinegra no Horto.

Com o resultado, o Atlético foi a 20 pontos e assumiu a segunda colocação, seis atrás do Flamengo, que venceu o Paraná por 2 a 0, no Rio de Janeiro. O São Paulo também tem 20, mas está atrás do Galo no número de vitórias. Já o Fluminense caiu para a 11ª posição, com 14 pontos.

Agora, o Atlético se prepara para o último jogo antes da parada para a disputa da Copa do Mundo. Na quarta-feira, às 21h45, a equipe alvinegra enfrenta o Ceará, no Independência, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Já o Fluminense pega o Santos, na quarta, às 19h, no Maracanã.

O jogo

O primeiro tempo da partida foi muito movimentado, como quase sempre nos jogos do Atlético no Independência. Houve quatro gols, dois para cada lado, com alternância de placar, belos lances e falhas defensivas.

Os mineiros começaram a partida melhor, em cima, como de costume mas davam muitos espaços e não conseguiam encaixar a marcação. Vendo que poderia aproveitar essa falha do adversário, o Fluminense foi saindo aos poucos ao ataque e conseguiu seu gol com Gilberto. Após cobrança de escanteio, o lateral subiu livre e, meio sem querer, desviou de ombro para o gol, abrindo o placar aos 34 minutos.

O Atlético deu o troco pouco tempo depois, seis minutos precisamente, quando, em uma jogada forte do time, Leonardo Silva foi à área e, como um centroavante, aproveitou cruzamento de Patric para empatar a partida. O defensor chegou ao seu 31º gol em 381 partidas com a camisa atleticana. Ouça o gol!

A virada não poderia sair dos pés de outro jogador que não fosse Róger Guedes. Aos 45 minutos, o atacante acertou chute no ângulo para colocar o time mineiro à frente do marcador e se isolar na artilheira do torneio. Ouça o gol!

No entanto, o Flu reagiu rapidamente e deixou tudo igual dois minutos depois, com Pedro, que se valeu da bobeada de Patric dentro da área para fuzilar o gol de Victor.

Na etapa final, o time alvinegro exerceu seu domínio e não levou sustos. Fez mais três gols e definiu a fatura. Tomás Andrade, com chute rasteiro, recolocou o Atlético à frente do placar aos 18 minutos. Ouça!Os dois gols que selaram a goleada saíram nos minutos finais, com Ricardo Oliveira, aos 41, de falta (ouça o gol), e outro de Roger Guedes, que anotou mais uma pintura aos 49 minutos. Depois de deixar o zagueiro no chão dentro da área, o atacante finalizou com precisão e tirou a camisa na comemoração para extravasar e ouvir da torcida os gritos de “fica Róger Guedes”. Ouça o gol!

Atlético 5 x 2 Fluminense

Atlético: Victor; Patric, Leonardo Silva (Bremer), Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Gustavo Blanco (Elias), Tomás Andrade, Cazares (Luan) e Róger Guedes; Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi

Fluminense: Júlio César; Nathan, Luan Peres e Ibañez; Gilberto (Sorzona), Douglas, Richard, Jadson, e Ayrton (João Carlos); Pedro e Matheus Alessandro (Pablo Dyego). Técnico: Abel Braga

Motivo: 11ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data e horário: 10 de junho de 2018, domingo, às 16h
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Gilberto (28’/1º), Leonardo Silva (34’/1º), Róger Guedes (45’/1º, 48’/2º), Pedro (47’/1º), Tomás Andrade (18’/2º), Ricardo Oliveira (41’/2º)

Cartão Amarelo: Matheus Alessandro, Ibañez (Fluminense); Gustavo Blanco (Atlético)

Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (CBF-SP)
Auxiliares: Alex Ang Ribeiro (CBF-SP) e Tatiane Sacilotti Camargo (Fifa-SP)
Adicionais: Marcio Henrique de Gois (CBF-SP) e José Claudio Rocha Filho (CBF-SP)

Público: 14.476 torcedores
Renda: R$ 246.095,00

Fonte: Itatiaia www.itatiaia.com.br

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close