Esportes

Embalado, Atlético busca largar em vantagem nas oitavas de final da Copa do Brasil contra a Chapecoense

Galo recebe equipe catarinense na noite desta quarta-feira, no Independência

O Atlético inicia, na noite desta quarta-feira, às 19h30, no Independência, a busca pela vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. O adversário nesta fase é a Chapecoense, que estreia na competição, enquanto o Galo já deixou quatro adversários para trás. O jogo de volta será no dia 16 de maio, às 19h30, na Arena Condá.
Antes de enfrentar a Chapecoense, o Atlético passou por Atlético-AC (empate por 1 a 1, fora de casa, que culminou com a demissão de Oswaldo de Oliveira), Botafogo-PB (goleada por 4 a 0, fora de casa), Figueirense (vitória fora de casa por 1 a 0 e derrota em casa por 2 a 1, com classificação nos pênaltis) e Ferroviário-CE (goleada por 4 a 0 em casa e empate por 2 a 2 fora).
O Atlético entra em campo embalado por duas vitórias seguidas no Campeonato Brasileiro, contra Vitória (2 a 1) e Corinthians (1 a 0), ambas no Independência. No Horto, já são sete triunfos consecutivos.
O time para o jogo contra a Chapecoense terá uma novidade. O zagueiro Leonardo Silva, que sofreu uma pequena lesão na coxa direita, volta ao time depois de cinco partidas. Ele ganha a vaga de Bremer, seu substituto no período. O capitão comemorou o retorno em um jogo importante.
“São jogos importantes e decisivos para nós no Brasileiro. A briga pela manutenção nas primeiras posições. Na Copa do Brasil (contra a Chape), a importância por ser mata-mata, um primeiro jogo em casa. É importante fazermos um bom jogo para conquistar a vitória, sem sofrer gols para continuar a evolução que nossa equipe vem tendo. Vou procurar ajudar da melhor maneira possível, confiante para o retorno. E também conto com a confiança do Thiago (Larghi) para que eu consiga ajudar a equipe e a gente consiga continuar essa evolução”, disse.
Quem também pode voltar ao time é o meia Cazares, que volta a ser relacionado após três partidas afastado por uma lesão muscular. No entanto, o equatoriano deve ficar no banco de reservas diante da Chapecoense.
 
Chapecoense
A equipe catarinense não vive um bom ano. A Chape foi eliminada no primeiro mata-mata que disputou antes da fase de grupos da Copa Libertadores. No Estadual, perdeu a disputa da taça para o Figueirense, em casa. No Brasileirão, ainda não venceu. Mas o empate conquistado diante do Palmeiras, fora de casa, no último domingo, enche a equipe de moral para a estreia na Copa do Brasil.

O técnico Gilson Kleina também fez mistério e fechou a última atividade da equipe, nessa terça-feira, na Toca da Raposa, em Belo Horizonte. Ainda assim, o treinador condá não deve alterar a formação que empatou com o Palmeiras em São Paulo pela Série A.

ATLÉTICO x CHAPECOENSE
 
Atlético
Victor, Patric, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson; Otero, Gustavo Blanco, Luan e Róger Guedes; Ricardo Oliveira
Técnico: Thiago Larghi
Chapecoense
Jandrei; Apodi, Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Amaral, Elicarlos, Márcio Araújo e Canteros; Arthur e Wellington Paulista
Técnico: Gilson Kleina
Motivo: primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil
Local: estádio Independência, em Belo Horizonte
Data e hora: quarta-feira, 2 de maio, às 19h30
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior – PR (CBF)
Assistentes: Rafael Trombeta – PR (CBF) e Pedro Martinelli Christino – PR (CBF)
Fonte: www.mg.superesportes.com.br

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close